O que é CSS (Cascading Style Sheets)

O CSS (Cascading Style Sheets), ou Folhas de Estilo em Cascata em português, é uma linguagem de estilo utilizada para descrever a apresentação de um documento escrito em HTML (HyperText Markup Language). O CSS permite que os desenvolvedores web alterem a aparência e o layout de um site, aplicando estilos a elementos individuais ou a grupos de elementos.

Como o CSS funciona

O CSS funciona através da criação de regras de estilo que são aplicadas aos elementos HTML. Essas regras são escritas em um arquivo separado, geralmente com a extensão .css, e são referenciadas no documento HTML através de uma tag ou de uma tag . Quando o navegador carrega o documento HTML, ele também carrega o arquivo CSS e aplica as regras de estilo aos elementos correspondentes.

Sintaxe do CSS

A sintaxe do CSS é composta por um seletor, uma propriedade e um valor. O seletor indica qual elemento ou grupo de elementos será estilizado, a propriedade define qual característica do elemento será alterada e o valor especifica o novo valor dessa característica. Por exemplo:

p { color: blue; }

Nesse exemplo, o seletor é “p”, que indica que todos os elementos

do documento serão estilizados. A propriedade é “color”, que define a cor do texto, e o valor é “blue”, que especifica que o texto será exibido na cor azul.

Seletores CSS

Existem diversos tipos de seletores CSS que podem ser utilizados para estilizar elementos específicos. Alguns exemplos comuns incluem:

Propriedades CSS

O CSS oferece uma ampla variedade de propriedades que podem ser utilizadas para alterar a aparência e o layout de um elemento. Algumas das propriedades mais comuns incluem:

Herança de estilos

Uma das características mais poderosas do CSS é a capacidade de herdar estilos de elementos pai. Isso significa que um elemento filho pode herdar as propriedades de estilo de seu elemento pai, a menos que essas propriedades sejam especificamente sobrescritas. Essa herança de estilos permite que os desenvolvedores economizem tempo e esforço, aplicando estilos a elementos pai e deixando que os elementos filhos herdem esses estilos automaticamente.

Box model

O box model é um conceito fundamental do CSS que define como os elementos HTML são renderizados na página. Cada elemento é considerado uma caixa retangular que consiste em quatro áreas principais: conteúdo, preenchimento (padding), borda e margem. O conteúdo é a área onde o conteúdo do elemento é exibido, o preenchimento é a área entre o conteúdo e a borda, a borda é a linha que envolve o elemento e a margem é a área externa ao elemento.

Unidades de medida

O CSS oferece várias unidades de medida que podem ser utilizadas para definir tamanhos e distâncias. Algumas das unidades mais comuns incluem:

Media queries

As media queries são uma funcionalidade do CSS que permite aplicar estilos diferentes com base nas características do dispositivo em que o site está sendo visualizado. Isso permite criar layouts responsivos, que se adaptam automaticamente a diferentes tamanhos de tela. Por exemplo, é possível definir estilos específicos para dispositivos móveis ou para telas de alta resolução.

Frameworks CSS

Frameworks CSS são conjuntos de estilos e componentes pré-definidos que podem ser utilizados para acelerar o processo de desenvolvimento web. Esses frameworks oferecem uma base sólida de estilos e funcionalidades comuns, permitindo que os desenvolvedores economizem tempo e esforço ao criar sites. Alguns exemplos populares de frameworks CSS incluem Bootstrap, Foundation e Bulma.

Conclusão

O CSS é uma linguagem de estilo poderosa que permite aos desenvolvedores web alterarem a aparência e o layout de um site. Com o CSS, é possível criar sites visualmente atraentes e responsivos, que se adaptam a diferentes dispositivos e tamanhos de tela. Ao dominar o CSS, os profissionais de marketing e criação de glossários para internet podem criar glossários otimizados para SEO, que rankeiam bem no Google e atraem mais tráfego para seus sites.